28.6.07

Rito de passagem: casamento hindu



Havíamos chegado às 5h da manhã de ônibus de Udaipur e ficáramos no teto da pensão até as 6h para ver o sol nascer e a cidade acordar nos terraços. Não há ar condicionado, as pessoas dormem no terraço das casas e acordam com os primeiros raios de sol. Às nove horas da manhã, um batuque insistente e um burburinho entram pela janela do quarto.


Nos dias que se sucederam, foi possível notar que o batuque se espalhava por toda a cidade: estávamos às vésperas de um casamento coletivo hindu na cidade, Jodhpur. Mais de 50 casais... nos dias que antecediam o evento, os noivos, vestidos à carater, eram levados pelos vizinhos e parentes em uma passeata pelas pequenas vielas da cidade várias vezes ao dia. Eles na frente, o resto atrás, com seus tambores e fogos de artifício.

O casal da foto estava de saída, ao lado da pousada, na entrada do caminho para o castelo mughal.



Assim que a foto foi tirada, o rapaz ao lado, irmão ou primo da vítima, pede: "Agora só eu e ele!". Pois não.

3 comentários:

Edson disse...

Cultura Rocks, respeito todas.

Cara, quanto custa a gasolina em Dubai?

Anônimo disse...

O noivo está com uma cara de "desolado". Seria o casamento de livre e expontânea vontade?

eduardo disse...

e a cara da noiva? alguém comenta? =)